Roteiro Cartão Postal

Em nosso roteiro Cartão Postal, faremos uma visita aos principais pontos turísticos de Londres: British Museum, Covent Garden, Trafalgar Square, Big Ben, Parlamento Britânico, London Eye, Tate Modern, Ponte do Milênio, Catedral de St. Paul, Tower Bridge e Torre de Londres.

Este roteiro foi elaborado especialmente para quem vai ficar pouco tempo na cidade e deseja ver as principais atrações.

British Museum (Museu Britânico)

Museu Britânico

O British Museum (Museu Britânico), fundado em 1753 após a aprovação do rei George II, foi o primeiro grande museu público, gratuito, secular e nacional em todo o mundo, tendo sido fundamental no estabelecimento do método museológico.

Ao longo de seus três andares, o espaço dispõe de peças de praticamente todas as culturas que já estiveram no planeta.

Com tantas peças raras, você pode ficar horas percorrendo suas salas, mas não deixe ver preciosidades como a Pedra de Rosetta, as esculturas do Parthenon, o tesouro Oxus dos Persas e a Múmia de Katebet.

Covent Garden

Covent Garden

O Covent Garden é um dos mercados mais atraentes de Londres. A imponente construção do século 19, em estilo neo-clássico, com teto de vidro, é localizada na famosa “piazza” de estilo italiano, a poucos metros da Leicester Square e da Trafalgar Square. É um importante centro de lazer e convivência, com suas lojas coloridas, quiosques, cafés, restaurantes, bares, barracas de artesanato e os tradicionais artistas de rua.

Recebe quase 30 milhões de visitantes por ano, entre turistas e londrinos, o que transforma o Covent Garden em uma das principais atrações da cidade.

Trafalgar Square

Trafalgar Square

A Trafalgar Square é uma praça no centro de Londres que celebra a Batalha de Trafalgar (1805), uma vitória da Marinha Real Britânica nas Guerras Napoleônicas.

O nome original, na verdade, era para ser “King William the Fourth’s Square”, em homenagem ao rei Guilherme IV, porém George Ledwell Taylor sugeriu o nome Trafalgar Square.

A praça tem em seu centro uma coluna encimada pela Coluna de Nelson, em homenagem ao Almirante Nelson, que liderou a Royal Navy na costa de Cádis, Espanha.

Big Ben

Big Ben

Inaugurado no dia 31 de maio de 1859, junto ao Palácio de Westminster, às margens do Rio Tamisa, o Big Ben tornou-se um símbolo britânico.

A Clock Tower tem uma altura de 96 metros e cada uma das quatro esferas do relógio, compostas por 312 peças individuais de cristal, tem um diâmetro de 7 metros.

Os ponteiros que marcam os minutos em cada uma das esferas eram originalmente de ferro, mas, por serem pesados demais, foram substituídos pelo cobre.

Parlamento Britânico

Parlamento

A parte original do Parlamento Britânico possui mais de 900 anos. Ao longo da história, sua arquitetura sofreu diversas modificações, acarretadas principalmente pelo grande incêndio em 1834 e pelos bombardeios durante a II Guerra Mundial.

O palácio fica situado na margem norte do Rio Tamisa, no Borough da Cidade de Westminster, próximo a outros edifícios governamentais ao longo da Whitehall.

É um dos maiores parlamentos do mundo, o que faz dele um dos edifícios mais célebres do planeta. Contém mais de 1.000 salas, 100 escadarias e 3 milhas (5 km) de corredores.

London Eye

London Eye

A London Eye, inaugurada no dia 31 de dezembro de 1999, é também conhecida como Millennium Wheel (Roda do Milênio) e fica situada na margem sul do rio Tâmisa.

Com uma altura de 135 m, permite uma linda visão panorâmica da cidade. A atração transporta cerca de 3,5 milhões de visitantes por ano. Cada uma de suas 32 cápsulas comporta até 25 pessoas, o que permite que a roda gigante leve até 800 passageiros simultaneamente.

É um dos pontos turísticos mais disputados da cidade.

Tate Modern

Tate Modern

A Tate Modern é o museu de arte moderna e contemporânea mais importante de Londres. Ele se conecta à margem norte do Rio Tâmisa, através da elegante Millenium Bridge, dando diretamente para a Catedral de St. Paul.

Após uma grande reforma na antiga estação de energia de Bankside, os arquitetos suíços Jacques Herzog e Pierre de Meuron deram oxigênio a uma área até então pouco visitada da da cidade.

O edifício é inovador e por si só já vale a visita. No interior, uma fantástica coleção de arte moderna e contemporânea, com obras de artistas como Dalí, Picasso e Andy Warhol. Não deixe de verificar as exibições temporárias.

Millenium Bridge

Ponte do Milênio

Inaugurada oficialmente em 10 de junho de 2000, sobre o Rio Tamisa, é a mais longa ponte suspensa para pedestres do mundo, com 320 metros de comprimento.

Em sua estrutura complexa e inovadora, foram utilizadas as mais modernas tecnologias para superar os desafios do projeto.

Atravessando o Rio Tamisa, possibilita a ligação entre a Catedral de St.Paul e o conjunto formado pelo Museu de Arte Moderna e o Shakespeare Globe Theater.

Catedral de St. Paul

Catedral de St. Paul

A catedral é atualmente um dos lugares de maior visitação na cidade. É impossível visitar Londres e não ver sua cúpula de 110 metros, uma das mais altas do mundo. Dela se tem uma visão ampla de Londres.

A igreja original foi construída no local no ano 604 e já era dedicada ao Apóstolo Paulo. Bem mais tarde, no final do século XVIII, foi construída a catedral que vemos hoje, em estilo barroco inglês, com design de Sir Christopher Wren.

Foi também nesta catedral que Charles, Príncipe de Gales, casou-se com Lady Diana, em 1981.

Tower Bridge

Tower Bridge

A Tower Bridge (ponte da torre) é sem dúvida a ponte mais famosa e mais fotografada de Londres.

Inaugurada em 1894, foi construída para atender aos habitantes da região leste da cidade, já que todas as pontes da cidade se localizavam à oeste da London Bridge.

Sendo uma importante área portuária, o grande desafio era construir uma ponte que se abrisse de forma que o fluxo de navios no Tâmisa não fosse prejudicado. Sendo assim, foi planejada uma ponte-báscula que, à época, era a maior e mais sofisticada do mundo. Operada por um sistema hidráulico, os enormes motores eram movidos a vapor. Com este sistema sofisticado, em cerca de 1 minuto as básculas se elevavam até o ângulo máximo de 86 graus.

Torre de Londres

Torre de Londres

A Torre de Londres é um prédio histórico localizado na região central da capital inglesa, na esfera norte do Rio Tâmisa, no recanto conhecido como Borough de Tower Hamlets.

Ela foi edificada por Guilherme, o Conquistador, no ano de 1078. Ela mantém-se separada da outra margem do Tâmisa por um circuito londrino denominado Tower Hill. Foi Guilherme quem ordenou a construção da Torre Branca, o embrião de todo o complexo. Ao longo dos séculos, a Torre passou por várias modificações, sempre com o objetivo de torná-la mais segura. Foram implantados fossos e muralhas sucessivas, que faziam da torre, uma fortificação imbatível.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Comentário
Seu nome